Loja Sentando a Pua

Combo FEB 3

Disponibilidade: Em estoque

Preço Normal: R$96,00

Preço Especial: R$82,00

Resumo

Combo composto pelos documentários A COBRA FUMOU e O LAPA AZUL, além do livro MINA R, três enfoques que contam a história da Força Expedicionária Brasileira (FEB) no Teatro de Operações da Itália.

Descrição do Produto

Combo composto pelos documentários A COBRA FUMOU e O LAPA AZUL, além do livro MINA R, três enfoques que contam a história da Força Expedicionária Brasileira (FEB) no Teatro de Operações da Itália.

A Cobra Fumou
Segundo de uma trilogia sobre a participação das Forças Armadas brasileiras na Segunda Guerra Mundial, este documentário, em forma de diário, narrado pela atriz Bete Mendes e mesclado com comentários do diretor Vinícius Reis, apresenta ao público emocionantes depoimentos de pracinhas da Força Expedicionária Brasileira - FEB, relembrando importantes fatos históricos como a conquista da cidade de Montese e a tomada de Monte Castelo, na Itália. O projeto teve início em novembro de 1999, quando uma equipe de cinema vai do Rio do Janeiro a Brasília para documentar o 11o Encontro Nacional dos Veteranos da Segunda Guerra. Durante o evento, Miguel Pereira, que trabalhou como telegrafista para a Força Expedicionária Brasileira, conta sua decisão de permanecer na Itália depois da guerra. A equipe retorna ao Rio de Janeiro e inicia uma série de entrevistas com veteranos e ex-combatentes. Major Elza, Carlos Scliar, Joel Silveira, General Meira Mattos, seu Moysés e muitos outros contam suas experiências num país que estava humilhado pelo conflito e em cujo território ainda havia exércitos nazi-fascistas. O Monte Castelo e a cidade de Montese, que os brasileiros conquistaram dos soldados alemães, são alguns dos temas tratados nessas entrevistas. Em fevereiro de 2000, a mesma equipe segue para o norte da Itália para documentar as cidades por onde as tropas brasileiras passaram nas regiões da Emilia Romana e da Toscana. No dia 21, ocorre um novo encontro com Miguel Pereira, que relata como se deu a conquista de Monte Castelo, 55 anos antes, no dia 21 de fevereiro de 1945. 

Duração: 94 minutos.

Assista abaixo ao trailer


O LAPA AZUL
A memória da Força Expedicionária Brasileira (FEB) na II Guerra Mundial é quase desconhecida por nossos jovens. Hoje dizer que soldados brasileiros estiveram na Europa, lutando contra o nazi-fascismo, causa estranheza às novas gerações.

Consultando os livros escolares de História do Brasil, verifica-se o motivo de tal desconhecimento: em alguns deles a participação da FEB se resume a uma linha. Em muitos, ela é sequer mencionada.

Por seu turno, a bibliografia especializada destaca os aspectos estratégicos e as implicações políticas da guerra, em particular as ações dos líderes militares e civis, deixando o relato do simples soldado no anonimato.

A concepção do documentário visa preencher esse hiato histórico, abordando o conflito sob a ótica do personagem que carregou o mais pesado fardo na II Guerra Mundial — e o faz em todas as guerras : o soldado de infantaria.

A obra revive a memória dos integrantes do III Batalhão do 11º Regimento de Infantaria, conhecido como o “Lapa Azul”, formado, em sua maioria, por jovens oriundos das classes humildes do interior mineiro.

Foram jovens que venceram limitações consideradas insuperáveis para um exército sul-americano, indo desde as de ordem material até o ceticismo dos seus aliados e compatriotas. Por fim, aprenderam a guerrear e a sobrepujar as experientes tropas alemãs, em meio à lama e à neve, nas montanhas dos Apeninos italianos.

Este documentário nasceu inspirado na luta e na garra desses homens, destacando aquele que foi o momento mais importante do Brasil, no cenário internacional, durante o século XX.

Mais do que um exercício de memória, o “Lapa Azul” revela o verdadeiro espírito do brasileiro: humilde, pacífico e generoso por natureza, mas capaz de transformá-lo em guerreiro quando necessário.

Veja a seguir trechos do documentário
  
 

Conheça também um pouco mais deste documentário através destas matérias:


MINA R
A Ouro sobre Azul está lançando uma nova edição de Mina R
, de Roberto de Mello e Souza, narrativa de guerra primorosa, editada em 1973 pela Duas Cidades e, em 1995, pela Record.

Nesta 3a., o texto vem seguido de um apêndice com quatro críticas extremamente elogiosas: de Boris Schnaiderman, de Berta Waldman, Giuseppe Carlo Rossi (especialista italiano em língua e literatura portuguesa e brasileira) e Manuel da Costa Pinto, todos unânimes no reconhecimento das qualidades literárias de Mina R.

COMENTÁRIOS NA IMPRENSA (links externos):


FICHA TÉCNICA

TÍTULO: Mina R
AUTOR: Roberto de Mello e Souza
PÁGINAS: 236
FORMATO: 11,5 x 16 cm | capa dura
ISBN: 978 85 88777 55 2 

Informações Adicionais

Fabricante Não

Etiquetas de Produto

Use espaço para separar as tags. Use aspas simples (') para frases.